quarta-feira, 27 de agosto de 2014

LUZ, CÂMERA, DECORAÇÃO! CASA COR PR 2014

Deixe um comentário
O Cine Ribalta, célebre e sofisticado cinema que movimentou a década de 70, ganha vida novamente, agora a partir da concepção estética de conceituados profissionais que fazem parte da Casa Cor Paraná. A 21ª edição da mais importante mostra de arquitetura e decoração do estado é inspirada no tema “Luzes no Ribalta”, e sediada no Graciosa Country Club, no bairro Cabral. As salas de cinema, o complexo de prédios residenciais e a área externa se tornam palco para 51 ambientes, assinados por arquitetos, designers de interiores e paisagistas.

A proposta de oferecer ideias para morar bem permanece intacta, entretanto dessa vez o local escolhido instiga a criatividade dos expositores e lança como desafio mostrar a arquitetura moderna como implantação de arte. Nas mãos de grandes nomes da área e novos talentos, os projetos são verdadeiras vitrines de bom gosto, sofisticação e, principalmente, inovação. Para atender ao exigente público visitante, coube aos autores aprimorarem o olhar, indo além da técnica para explorar entretenimento, cultura, lazer e aspectos que atravessam o tempo, formando o diálogo entre diferentes estilos e tendências.


O “Lugar de Criança”, assinado pelo arquiteto André Largura e pela designer Giovana Kimak, está entre os destaques que exploram um modo de projetar novo e conceitual. Totalmente interativo, o espaço dá asas à imaginação do público infantil. Obras literárias da livraria Navegadores e um palco com mini lounges, são alguns dos destaques. A estética convidativa e curiosa deu forma ao ambiente que ainda será palco de diversas oficinas ministradas por profissionais de renome em áreas como: artes visuais, gastronomia, design e moda.


Em sua estreia na Casa Cor, a arquiteta Bruna Moribe assina a “Morada de um casal navegador”. Para o espaço, obras da série “Canais”, do artista e fotógrafo Eleuthério Netto, integradas a um espaço leve, com inspiração marítima.


Inspiradas pelo conceito dos “containers cities” - tendência em países europeus como Inglaterra, Holanda, Noruega e Dinamarca – as arquitetas Denise Leal Ribas e Carolina Leal Ribas apresentam um estilo sustentável, econômico e único de morar. A “Casa Container”, desenvolvida em parceria com a Total Storage Brasil, que forneceu quatro containers, traz uma proposta inovadora e criativa para o mercado de arquitetura e construção civil. O espaço é composto por suíte, sala de estar, jantar, cozinha e garagem. Sem abrir mão da funcionalidade e do conforto.


As arquitetas Mariana Stockler e Carolina Posanske assinam o Loft dos Recém Casados. As profissionais trazem modernidade e tons sóbrios para compor o ambiente e formas geométricas retangulares e quadradas inspiradas no pintor Piet Mondrian.


O “Studio do Solteiro”, assinado pelas arquitetas Cristiane Maciel e Sony Luczyszyn é um espaço moderno que reúne o essencial para quem opta pela tendência dos imóveis compactos e não abre mão de boas obras de arte. No ambiente, muito design autoral enriquece a arquitetura de interiores. Entre as peças de destaque, as cadeiras Juliana, assinadas pelo designer Aristeu Pires, da Decormade Living.


Filipe e Karla Bender comemoram sua 12ª participação na Casa Cor Paraná com uma homenagem ao colunista social Dino Almeida. O Lounge de Eventos Masisa conta com um tapete vermelho para recepção dos convidados VIPs que prestigiarão os eventos durante a mostra. Com iluminação cênica e mobiliário exclusivo, o espaço foi escolhido pela Masisa para o lançamento nacional da sua nova linha, a Ruby, que reveste todas as paredes do lounge.


As arquitetas Graciele Argenta e Lígia Drula criaram o Miniloft. Pensado para o executivo atual, exigente, prático e que não abre mão do conforto, o espaço une tendências nacionais e internacionais. As arquitetas apresentam também uma linha de cama, mesa e banho assinada pelo escritório para a Lolahome e que será lançada durante a mostra.


Estreando no evento, a designer Priscila Viana e a arquiteta Isabela Rossetto criaram a “Sala multimídia e adega”. Com peças exclusivas desenhadas pelo escritório, o espaço também utiliza mobiliário solto da consagrada marca italiana Natuzzi, vendido com exclusividade na Ton Sur Ton, e foi totalmente automatizado, incluindo o sistema multimídia e de vigilância, que pode ser controlado através de dispositivos sem fios, como tablets e smartphones.


O veterano arquiteto Ivan Wodzinsky optou por reinventar sua própria obra. Em 60m², o “Café”, espaço funcional assinado pelo profissional ganhou uma roupagem ousada e, ao mesmo tempo pontual e sofisticada. O ambiente conta com uma estrutura feita especialmente a pedido do arquiteto para sustentar as cinco toneladas de madeira que revestem todo o “Café”. Quadros, fotos e adornos decorativos usados por Wodzinsky em seus projetos deram lugar ao toque sutil, porém grandioso, de peças que transmitem com propriedade a riqueza conceitual de cada solução proposta pelo profissional. E a aposta, desta vez, trata-se apenas de uma obra de destaque feita com exclusividade para o seu ambiente. A peça estruturada no próprio espaço recria um grande casulo. Dele, uma revoada com 1500 borboletas douradas feitas em origami com papel italiano ocupa toda a extensão do piso até o teto. Essa escultura montada pelas artistas Letícia e Cassi Wöst, da Wöst Origami Design, dão um toque especial e pontuam de maneira harmônica e conceitual o decór do espaço.



A sustentabilidade e a responsabilidade social são os temas tratados nos dois ambientes desenvolvidos pela designer de interiores Jane Rocha. Em sua quinta participação na mostra, os espaços “Empório Orgânico”, que assina individualmente, e “Humsol - Instituto Humanista de Desenvolvimento Social”, criado em parceria com a arquiteta Laryssa Rocha, transmitem a mensagem da valorização do ecologicamente correto e da prevenção ao câncer de mama e contam com ações que irão envolver todos os visitantes.


A arquiteta Luciana Glock repete o sucesso da última Casa Cor Paraná e, a convite do estaleiro Way Brasil, assina o Deck Náutico. O ambiente traz como destaque a lancha modelo Triton 325. Inspirado no estilo urbano, está entre os espaços com maior investimento da edição. O projeto da profissional inicia mesmo fora da embarcação, no paisagismo, e se completa em seu interior, com soluções pensadas para disponibilizar requinte e funcionalidade aos usuários.


O espaço “Morada de uma artista”, assinado pelo escritório da arquiteta Mariana Paula Souza, traz um mix do contemporâneo com o romantismo do vintage. A arquitetura funcional e fora do convencional dita o tom do espaço que pode ser utilizado para o bem viver e também para trabalhar, sem que um interfira no outro. O ateliê ficou no hall de entrada e os clientes não precisam adentrar a área íntima ao procurar a designer floral. No projeto a profissional trará o sistema de aquecimento de piso, bancada aquecida, central de aspiração, toalheiro aquecido e o desembaçador de espelhos da Tech House System.


Sentir-se bem. Esse é o conceito do “Estar Íntimo” que a arquiteta Viviane Loyola preparou em sua sétima participação. A profissional traz um espaço acolhedor, atemporal e confortável com o uso de várias texturas e materiais nobres em tons neutros, com detalhes em azul. Entre os destaques do ambiente estão duas telas da artista plástica India Filipin.

0 comentários: