segunda-feira, 16 de maio de 2016

HORTA, SEMPRE UMA BOA DICA!

Deixe um comentário
Pequenas hortas podem ser organizadas em vasos, carrinhos, caixas, carriolas ou mesmo em um móvel e se transformarem em canteiros de fácil manipulação. A ideia é auxiliar na falta de espaço e, de quebra, deixar o lar muito mais alegre e convidativo para preparar verdadeiras experiências gastronômicas para os convidados.


O conceito pode até parecer diferente, mas são inúmeros os projetos que aproveitam os espaços livres, como um cantinho da sacada ou um espaço na bancada das famosas cozinhas gourmets, para introduzir novos ingredientes e temperos na alimentação.


Tendência nos projetos de interiores, a cozinha gourmet foi pensada especialmente para quem gosta de cozinhar junto aos convidados, porque tem como centro das atenções a bancada localizada no meio do ambiente e conjugada a mesa de refeições. No mercado, são inúmeros os modelos disponíveis, porém, tem chamado cada vez mais atenção àqueles que possibilitam o cultivo de uma horta.


De acordo com Luana Silveira da S.C.A. Curitiba, engana-se quem acredita que é preciso ter um grande espaço para poder plantar manjericão, salsinha, cebolinha, alecrim, entre outras ervas aromáticas. “Falta de espaço não é desculpa para não ter uma horta. Quando não se tem um canteiro, é possível aproveitar um móvel da cozinha para abastecer a casa com bons temperos e verduras fresquinhas, basta que se tenha luz e quantidade de água suficiente”, explica.


Luana pontua que com planejamento é possível fazer da cozinha um lugar muito mais agradável e funcional. Um dos segredos é recorrer a móveis multiusos, aonde a bancada, que serve para preparar comida, possa ser divida com um espaço para produtos orgânicos. “Com uma dose de criatividade, as hortas embutidas deixam de oferecer apenas praticidade e passam a funcionar como um elemento de decoração e estilo, trazendo vida e descontração ao ambiente”, finaliza.

0 comentários: