quarta-feira, 20 de julho de 2016

HOME OFFICE | CASA COR PR

Deixe um comentário
Home Office - Larissa Gomes. 


A primeira participação da designer de interiores Larissa Gomes na Casa Cor Paraná 2016 apresenta a elaboração de projeto atemporal para o “Home Office” da mostra. De acordo com a profissional, a inspiração para o ambiente vem da rotina agitada da mulher contemporânea que se divide entre trabalho e família. O conceito do projeto é caracterizado pela busca da otimização deste cotidiano moderno e dinâmico, uma ideia impressa no estilo do décor em linhas retas e sofisticadas.


Para dar forma ao Home Office, Larissa Gomes aposta na leveza e na leitura limpa proporcionada por materiais nobres e naturais, definindo assim, o diferencial do espaço na mostra. Para revestir o piso e dar forma à bancada suspensa, é utilizado o mármore branco de origem paranaense. Cada peça que reveste o pavimento possui o tamanho dos blocos originais das pedreiras, sendo apenas reenquadrada na marmoraria e aplicada no ambiente. A profissional destaca que as peças são confeccionadas exclusivamente pela Stone Gallery para seu espaço na Casa Cor.

As paredes e os painéis foram produzidos com lâminas naturais de madeira importada, que proporcionam aconchego e também sustentam o conceito do projeto. A madeira utilizada no espaço é a Nogueira, importada do norte dos EUA e do Sul do Canadá, que possui grande valor e procura devido ao fato de ser a única madeira existente que se aproxima da cor lilás. Além destes elementos, os materiais de aço-carbono e vidro também fazem parte das composições do Home Office. “Fiz questão de trabalhar com elementos atemporais e milenares. O modismo passa muito rápido e, muitas vezes, o cliente faz um investimento alto para que seu espaço corra o risco de ficar demodê. Este ambiente poderia durar mil anos, pois ainda assim permaneceria sempre atual”, explica a designer sobre suas escolhas.



A cor predominante é o pantone branco, que aparece no piso, nas bancadas e no teto, com a intenção de iluminar e harmonizar o espaço. A escolha da tonalidade suave contrasta com a cor natural dos painéis em madeira, possibilitando uma leitura visual de aconchego e sofisticação. Além da combinação das tonalidades, a estética visual é valorizada com as obras de arte concedidas pela Sim Galeria, que carregam a autoria da artista brasileira Elizabeth Jobim, filha do cantor Tom Jobim. 

Em sua totalidade, o projeto para o Home Office contempla a junção de elementos como o rodapé negativo, bancada suspensa e o recurso tecnológico de prateleiras finas – confeccionadas em aço-carbono – que permanecem flutuantes no ambiente dinâmico. O toque final de contemporaneidade fica por conta do mobiliário solto fornecido pela Decormade e de assinatura do designer Sérgio Rodrigues, entre eles a famosa Poltrona Chifruda.

0 comentários: